segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Opinião do HoneyMania Shower Gel

Olá a todos,

Na passada semana falei cá no blogue sobre a nova linha que está disponível nas lojas The Body Shop, a HoneyMania. Desde que a recebi que comecei a experimentar alguns dos produtos e o primeiro a ser colocado a uso e, consequentemente, alvo de revisão cá no blogue foi o gel de duche.



Para começar quero realçar que o cheiro desta linha é maravilhoso em todos os produtos que tenho experimentado, mas o cheiro é uma questão muito pessoal, eu adoro, primeiro porque adoro mel e depois por que ao longo dos anos fui adquirindo o gosto por cheiros mais doces, isto para avisar que a linha tem um quê de doce no aroma, o que para mim é uma vantagem já que são os aromas que mais duram na minha pele.

O gel de banho faz bastante espuma, não sei se é um ponto fraco ou forte, já que sabemos que este efeito é geralmente conseguido através do uso de químicos que podem ser prejudiciais à saúde. Também sabemos que são sempre usados em pequenas quantidades e regulamentadas, no entanto estão presentes em vários produtos que usamos no dia-a-dia. Eu espero que as marcas já tenham encontrado um agente com o mesmo efeito e menos prejudicial e por isso, ignorando este ponto, fazer uma boa espuma é óptimo para não usar muito produto reflectindo-se numa durabilidade maior e maior rentabilização do investimento de 5 euros.

O cheiro, como já mencionei, é delicioso e deixa a pele bem perfumada durante algum tempo após o duche. Esse efeito é maior se usado o gel de banho em conjunto com a manteiga, por muito bom que um gel de banho seja nunca encontrei um que durasse o dia inteiro em mim sem ter a ajuda de um hidratante da mesma linha (ou se ele já passou pelas minhas mãos não me recordo).

Em suma, muito embora eu seja quase sempre levada a comprar as linhas florais da TBS, sem dúvida que no meu ciclo de trocas irei incluir a #HoneyMania. O preço é de 5 euros por 250 ml de produto, sem dúvida que é um investimento maior do que comprar uma marca de super mercado, mas se não tiverem a disponibilidade financeira para substituir o vosso gel de duche habitual pelo da HoneyMania, sem duvida considerem em tê-lo para estarem bem perfumadas para aquela ocasião especial.

Beijinhos,


sexta-feira, 27 de setembro de 2013

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Kiko Infinity Eyeshadow


Estou muito ansiosa por passar os dedinhos nestas meninas ... adoro o conceito de poder construir jogos de cores ao meu gosto, por exemplo, é bastante prático ter na carteira um quarteto de cores que podemos ir mudando com a frequência que desejamos.


As sombras existem em 4 tipos de acabementos: Opaco, Acetinado, Metálico e Maxi Perolado para as sombras Infinity, depois existem ainda algumas cores Infinity+ Sparkle, ainda não percebo bem a diferença entre todos estes acabamentos, mas estou curiosa para conhecer.


Podem ver tudo sobre esta colecção no site da Kiko Sombras Infinity. Sem dúvida que quero muito em breve passar numa Kiko para me desgraçar, Hey já não compro maquilhagem há meses, já chega de menina bem comportada ;-).

Beijinhos,

Summerlip Harbour Red da Make B Miami Sunset, by Boticário

Como já devem ter visto por outros blogs ou outros meios de informação, a tendência de maquilhagem para a época de Outono 2013 é uma aposta em maquilhagens com lábios de cores fortes e olhos neutros (bem ao gosto aqui da Anita). Também é sabido que muita gente não usa cores fortes nos lábios por receio ou falta de hábito, ou simplesmente porque não gostam.

Pois apesar da linha Miami Sunset d'O Boticário ter sido lançada para o Verão o batom SummerLip Harbour Red vai andar pela minha bolsa neste Outono, pois acho ser uma adição perfeita para aquela mulher que gosta de arriscar menos, ou que quer manter um look mais discreto.

O SummerLip é um batom pouco pigmentado, hidratante e óptimo para o Verão porque tem protecção SPF 20 UVA++ e hidrata, mas também é perfeito para o tempo frio pois sabemos que no tempo frio SPF e hidratação mantém-nos longe de lábios gretados. A côr Harbour Red, apesar de parecer vibrante no stick quando aplicada é muito discreta, e podemos controlar um bocadinho a intensidade (como podem ver no swatch acima).
O Harbour Red é um vermelho de base azul e no meu caso dá um tom mais fuscia aos lábios, além de dar alguma intensidade à nossa côr natural (como podem ver acima) vai dar a sensação de termos dentes mais brancos.

Com este batom vamos conseguir estar próximas da tendência da época, manter os lábios bem protegidos e hidratados, por isso se conseguirem (porque se encaixam neste perfil) agarrar um SummerLip Harbour Red (edição limitada) antes que deixem de estar disponíveis, não hesitem em ir cuscar uma loja, ou mesmo comprar online no site http://www.oboticario.pt/.

Em suma, não é segredo para ninguém que segue este blog que sou uma grande fã da linha de batons que a Make B tem vindo a lançar, pois são um óptimo investimento (na minha opinião), por 10 euros compramos um batom que se equipara bem (e em alguns casos ultrapassa) batons de marcas high-end ...

Muitos beijinhos Fuscia,

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

39 semanas de gravidez, memórias que já lá vão!

Nunca cheguei a partilhar mais umas fotos que fizemos no final da gravidez, estas em particular foram tiradas 1 dia antes de ser hospitalizada e umas horas antes de cortar o cabelo ;-). Oh para eu toda sorridente sem ainda saber que me esperava 1 semana de hospital...




Sim, até sinto falta da barriguinha, porque ao menos era grande mas tinha um bebé e era giro passar o dia a fazer festinhas na barriga, agora estou barriguda mas parece pudim flã :P.


Beijinhos,

Vermelho Ardente, Nutrisse Ultra color da Garnier

Alguém conhece algum milagre que transforme esta côr de cabelo:

Nesta ?


Sem descolorar?

Queria muito mudar, mas algo tão agressivo como uma descoloração está fora de questão, o meu cabelo já é fraco qb. Mas a côr é LINDA ... estou com vontade de arriscar na mesma ... opiniões precisam-se!


Beijinhos,

domingo, 22 de setembro de 2013

Champô e condicionador de leite de Aveia da Klorane

Quando estive em modo de preparação da mala para a maternidade, decidi procurar na farmácia um kit de higiene em Travel size. Na altura não consegui encontrar um kit de higiene completo, acabei por comprar na TBS um kit com produtos para o corpo e na farmácia encontrei este set da Klorane para o cabelo à base de leite de aveia. O que me atraiu foi o facto de ser próprio para uso frequente e, claro, ser uma coisa nova e eu gosto de experimentar coisas novas.

 

Gostei tanto mas tanto desde set que decididamente vou comprar em tamanho grande (pelo menos o champô certamente), o champô deixa o cabelo suave e solto. O condicionador uso nas pontas (cheira super bem) e não me deixa com o cabelo melado e achatado. Em suma, sinto o cabelo bem lavado mas soltinho o que é extremamente confortável. Se estiverem à procura de um champô de uso frequente e que seja suave recomendo este da Klorane, no entanto acho que é sempre mais inteligente comprar uma versão de viagem para o caso de não se darem bem com o produto. Somos todas diferentes e infelizmente não há produtos que sejam perfeitos para toda a gente. Eu como tenho muita queda (muito embora esteja melhor desde a gravidez, provavelmente devido a um equilíbrio hormonal que estava em falta no meu corpo), e como tenho a raiz muito oleosa eu tenho mesmo de lavar o cabelo diariamente, por isso opto por investir num champô que seja suave e de boa qualidade.

 

Já não me recordo do preço que paguei pelo kit, sabemos que os champôs comprados em farmácia são sempre mais caros que a versão super mercado, no entanto para este em particular precisamos de uma quantidade muito pequena para a lavagem, no meu caso uma vez que tenho o cabelo fino e mais curto não uso tanta quantidade e acabam por durar mais tempo. A versão 400ml do champô custa pouco mais de 10 euros nas lojas well's, tendo em consideração o tamanho e a quantidade que eu preciso de usar julgo ser um bom investimento para a qualidade que o champô demonstrou ter.

 

Beijinhos,

 

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

HoneyMania, by The Body Shop


Desde há alguns dias que na Blogosfera e nas Redes Sociais a "malta" anda muito excitada com a nova linha HoneyMania. Ora eu que agora saio muito pouco de casa, ainda não tinha tido a oportunidade de experimentar esta linha. Felizmente o Mr. Postman trouxe-me uma caixinha maravilhosa recheada de coisas novas para eu experimentar.
Assim muito rapidamente posso dizer-vos que o cheiro de todos os produtos é simplesmente maravilhoso.


Eis o que tenho para experimentar e vai entrar a uso ASAP, ou não estivessemos quase quase no Outono, e na minha humilde opinião o aroma destes produtos perfeito para a próxima estação.

1. Shower Gel (PVP 5€)
2. Cream Body Scrub (esfoliante corpo PVP 13€)
3. Body Butter (PVP 15€)
4. Eau de toilette (PVP 12,5€)
5. Sabonete (PVP 3€)
6. Lip Balm (PVP 4€)

Além destes produtos, a linha tem ainda um Bubble Bath Melt (PVP 12€) que honestamente gostaria de experimentar mas que no meu caso seria mau investimento já que é raro fazer banhos de espuma e agora estou numa fase em que não os posso mesmo fazer.


Estou ansiosa por conhecer mais de perto esta linha, já se encontra à venda nas lojas e sem dúvida que recomendo irem experimentar o cheiro é delicioso!

Beijinhos,


quarta-feira, 18 de setembro de 2013

I'm alive!

Olá a todas, eu sei que tenho andado completamente desaparecida do mapa, entre o final da gravidez, o nascimento da pequena e o habituar-me a esta nova rotina, quando paro só quero vegetar ...
Antes de mais, voltando um pouco atrás, as ultimas semanas de gravidez foram mais duras, entre as dores normais na bacia, e as dores de barriga, a anemia, e o caminhar 4km todos os dias a ver se evitava uma indução de parto, quando não estava a fazer refeições ou a tentar arrumar alguma coisa, estava deitada no sofá, aliás, o sofá foi a minha cama nas ultimas semanas uma vez que era o único sitio onde conseguia ter posição para dormir, ou pseudo-dormir já que ia ao wc tipo 5x por noite ;-).

Quando engravidarem, se for esse o vosso desejo, toda a gente vos vai dizer que adorou estar grávida, é maravilhoso e tudo mais ... Desenganem-se ... Não são rosas, é mais fácil para algumas mulheres que para outras, mas no geral não é fácil. Primeiro trimestre são os enjoos e o cansaço extremo, segundo trimestre a coisa melhora, mas enquanto a barriga não fica proeminente vocês são gordas e não grávidas :P, depois vem o stress dos milhentos exames que fazemos para assegurar, e muito bem, que está tudo sob rodas ... E claro o terceiro trimestre em que nos sentimos pesadas e cansadas, e a vontade constante de urinar, e as dores ... Mulher sofre, mas a verdade é que apesar disso tudo temos uma coragem enorme e suportamos todas as adversidades.

Depois há, claro, as coisas boas, as festinhas na barriga, o sentir a bebecas a mexer (se bem que aqui temos o reverso da medalha, porque quando não mexe toca a correr para a urgência) ... O que vale é que a longo prazo a memória apenas vai reter estes bons momentos ;-), senão lá se ia a taxa de natalidade.
O parto, bem, por uma semana vivi no hospital, comecemos pela primeira fase de indução, quinta-feira fui internada, explicaram-me que esta primeira fase poderia ir até 3 dias mas que geralmente no segundo ficava resolvido, e eu muito segura de mim ainda disse ao médico que mentalmente estava preparada para o cenário dos 3 dias ... Não estava, foi claramente conversa arrogante de quem nunca acreditou que fosse chegar aos 3 dias.
Primeiro dia, parte da tarde, estava cheia de contracções, UAUUUU isto afinal vai ser rapidinho, pois não foi, as contracções estavam certinhas e constantes e no final da tarde começaram a abrandar ... Ora bolas NÃoooooooooooooo!

Segundo dia, mais medicação de indução, nem vale apena explicar o que é feito porque não quero ser a responsável pela diminuição da taxa de natalidade no país ... Pronto, segundo dia, dores de rins, sim, eram contracções ... Das piores, e que me levaram por momentos às lagrimas ... Mas claro, apesar do sofrimento nada, sem dilatação ... Nice! Entretanto, nestes dois dias despachei 3 grávidas da cama do lado, entravam para indução e passado 2 horitas siga para o bloco de partos, na brincadeira pedi às enfermeiras para me mudarem para a cama do lado que era mais rápida.

Terceiro dia, soro porque podia ter de ir para cesariana, já não pude comer mais, e como diabética toca a controlar o açúcar no sangue hora a hora (até ao parto ocorrer) ... Depois vem mais uma pica para a insulina ... O que vale é que a mim agulhas e cateter não me fazem aflição ;-). Fui vista pela equipa médica que finalmente me deu boas notícias, já tinha havido evolução (finalmente) e depois questionaram-me se queria cesariana ou parto vaginal, para o bem ou para o mal optei pela via não cirúrgica, era o que eu queria, o meu marido ia poder estar comigo e pronto lá fui eu encaminhada para o bloco de partos ... A partir daqui o único momento de grande sofrimento foi quando a enfermeira parteira teve de, manualmente, provocar ruptura do saco amniotico, doeu bastante, mas depois siga para epidural e a coisa torna-se mais suportável no sentido em que a dor não incomoda mais. Não vou entrar em detalhes, estive 12h no bloco, se bem que em trabalho de parto mesmo devo ter estado umas 6 horas ... Não doeu, viva a epidural :-). Só vos posso dizer, que é uma violência tremenda, felizmente sem dores, eu não sei como consegui, mas consegui, é como digo, no fundinho temos uma coragem tremenda e somos capazes de suportar TUDINHO. Posso dizer-vos que até este momento tive um acompanhamento excelente quer pela equipa médica, à qual estou eternamente grata pela simpatia e competência, e pela equipa de enfermagem pelo carinho, preocupação e acompanhamento contínuo ... Sem isto e sem o apoio do meu marido tinha sido difícil.
O pós-parto ... Foi de domingo a quarta, com um enorme apoio da equipa de enfermeiras da obstetrícia, mas foi longo, a pirralha teve de ficar uma noite extra a fazer fototerapia devido à icterícia, foi um golpe duro para mim porque já estava farta de estar no hospital, depois no dia seguinte deram-nos alta, mas a mim foi por uma unha negra, a anemia estava pior (o que é normal) tive de tomar ferro endovenoso antes de sair ... Pelas 16h estávamos a sair rumo a casa, eu nem quera acreditar ... Finalmente casa ...

Agora, dia-a-dia é aprender a ser mãe, habituar-me a esta rotina, que tem tomado muito do meu tempo, e dar muito carinho à minha princesa. A Pepper habituou-se rapidamente, é muito protectora e meiguinha com a bebé :-).
Espero que ninguém tenha ficado desmotivada a ter filhos, não é fácil, mas conseguimos se não o fizéssemos a espécie não evoluía e extinguia-se :-), e hoje em dia temos muitos meios que tornam a coisa mais fácil, o tempo das nossas mães não havia cá esse modernice chamada epidural, era mesmo au Naturel.

Beijinhos,
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Creative Commons License
Blog True Undertone by Anita Pequena is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.
Permissions beyond the scope of this license may be available at the About Section.